Pesquisas do LEAL

 

A pesquisa desenvolvida no LEAL se insere na área de estudos formais. Realizam-se pesquisas sobre os mais variados fenômenos fonológicos, sintáticos e semânticos do português brasileiro.

A profa. Elaine e seus alunos investigam o comportamento das crianças com relação a perguntas-QU, orações relativas, estruturas absolutivas, relações de co-referência e ligação entre um antecedente e um pronome. Também investigam como as crianças interpretam nomes nus e se elas são capazes de computar implicaturas conversacionais, dentre outros. 

Já a profa. Raquel e seus alunos investigam a aquisição de fenômenos fonológicos como o acento, o ritmo e as regras e processos fonológicos de aplicação opcional em PB (tais como sândi externo, palatalização, harmonia e neutralização vocálicas, vozeamento) - assim como, também, a relação entre estes fenômenos e seus domínios prosódicos na fala da criança.

Em geral, os participantes dessas pesquisas são crianças monolíngues de desenvolvimento típico. Pesquisas com outras populações (como DEL, adultos em aquisição de língua estrangeira) também já foram realizadas em alguns dos estudos. Visite a página ‘Dissertações e Teses’ para consultar os resultados dessas pesquisas.

A linha de pesquisa do laboratório é: 

Estudos dos Processos de Aquisição de Língua.